CONFEF - Conselho Federal de Educação Física
Comunicação

Comunicação

Notícias

Mais de 500 são notificadas por atuação irregular em 2020 no Ceará 17/02/2021

De janeiro a dezembro de 2020, 535 pessoas foram notificadas por exercício irregular ou ilegal da profissão na área de Educação Física, no Ceará. No período, o CREF5/CE realizou 1.543 diligências em 91 municípios do estado. Parte das ações veio de denúncias realizadas pela população, sendo 117 na Região Metropolitana de Fortaleza e 44 no Interior.

"Por conta da pandemia e das restrições necessárias, imagina-se que o público retornaria mais receoso. Mas houve uma busca muito grande de volta aos exercícios físicos. Nisso realizamos diversas fiscalizações com o intuito de proteger a população e os profissionais", expõe Sérgio Franco [CREF 000348-G/CE], presidente da Comissão de Fiscalização e Orientação do CREF. "Vamos com o intuito de informar, verificar a presença de um responsável técnico e agora também orientamos sobre os cuidados com a pandemia", completa.

Do total, foram 286 encaminhamentos por exercício ilegal da profissão, ou seja, pessoas sem qualquer formação na área atuando em academias e estabelecimentos afins. Outros 249 se deram por exercício irregular da profissão, quando profissionais ainda não formados ou fora da categoria de habilitação atuavam como responsáveis dos locais. 

Durante o período de paralisação das atividades devido à pandemia de Covid-19, entre 19 de março e 30 de junho, o Conselho constatou 45 casos de exercício ilegal online, sendo protocoladas notícias-crime. Nesses meses foram notificadas 31 academias funcionando em descumprimento ao decreto estadual.

No ano, foram fiscalizados 1.280 profissionais registrados e 995 pessoas jurídicas certificadas. Ao mesmo tempo, foram encontradas 363 pessoas físicas não-profissionais e 519 pessoas jurídicas irregulares. As irregularidades também geraram 224 notícias crime, 1.227 ofícios, 33 pareceres e três parcerias.
 

Autor: Comunicação - Confef