Comunicação

Comunicação

Clipping

A importância da manutenção da atividade física e redução do comportamento sedentário durante a pand29/06/2020

Recente ponto de vista publicado no periódico “Arquivos Brasileiros de Cardiologia” chama a atenção da população para a importância da continuidade da prática de atividade física, além da redução do comportamento sedentário durante a pandemia do COVID-19. Os pesquisadores envolvidos no estudo são: Francisco Pitanga da Universidade Federal da Bahia, Carmem Beck do Instituto Federal de Santa Catarina e Cristiano Pitanga da Universidade Católica do Salvador.

Segundo o Prof. Francisco Pitanga [CREF 000108-G/BA], a literatura é consistente quanto ao fornecimento de evidências sobre os diversos benefícios proporcionados pela atividade física à saúde, principalmente ao sistema cardiovascular/metabólico e imunológico. O pesquisador chama atenção também para o fato de que, mais recentemente, a literatura passa a apresentar evidências de que não é apenas a prática regular da atividade física que tem relação com a saúde, mas também a redução do comportamento sedentário, ou seja, o tempo que permanecemos sentados, deitados ou reclinados durante o dia, excetuando-se as horas de sono. O material está disponível aqui na íntegra!



Fonte: Comunicação CONFEF